21 de abril de 2010

• Como fazer o Cão parar de roer??? •


Por vezes parece que os cães escolhem a dedo os objetos mais valiosos, para lhes deitarem os dentes. É raro o dono que nunca se deparou com um objeto desfeito pelo cão ao chegar a casa. Nos cães mais destrutivos, roer parece ser uma das maiores preocupações. Para além do clássico sapato que fica arruinado, alguns cães chegam mesmo a roer portas. Ao contrário do que muita gente pensa, os cães que têm um comportamento destrutivo não o fazem por vingança. Os cães não têm valores morais e não sabem o que é vingança. Os cães roem devido a vários fatores:

Dentes
A substituição da dentição pelos dentes definitivos aumenta a necessidade de roer nos cães. Este período varia entre os três e os seis meses. Contudo, mais tarde, por volta dos 12 meses, os dentes do animal instalam-se no osso do maxilar, o que pode provocar novamente o estímulo de roer. Dê ao cão brinquedos e retire tudo o que seja de valor e possa ser roído das divisões às quais o cão tem acesso.


Dieta
Rações inadequadas deixam o cão com algumas deficiências alimentares. Roer é assim para o cão uma forma de procurar comida. Procure junto do veterinário a ração mais indicada para o seu animal.


Brincar e explorar
O cão que não tem brinquedos fá-los ele próprio e não há nada melhor do que aquele sapato de pele com um cheiro formidável que vai ficando cada vez mais mole conforme as investidas dos caninos. Roer é na verdade um ato recompensador para o cão, por isso este não precisa de estímulos externos para o continuar a fazer. Para além disso, roer faz parte da forma como os cães exploram o mundo. Dê ao cão brinquedos e exercite-o. Cada vez que ele procure um objeto proibido repreenda-o e ofereça-lhe o brinquedo adequado. Elogie-o sempre que ele proceder corretamente.


Recordação
A procura de uma peça de vestiário ou de calçado do dono é uma forma de o cão mais dependente manter o cheiro do humano por perto. Por vezes o ato de o roer, serve apenas para tornar o objeto mais confortável; sem aquelas arestas duras, o sapato torna-se mais confortável para o cão se deitar em cima ou se rebolar. Dê ao cão algo com o seu cheiro, um objeto apropriado que não seja perigoso caso seja roído, por exemplo, deixe uma manta com o seu cheiro na cama do animal.


Aborrecimento
Um cão com falta de exercício e desafios pode voltar-se para os objetos que o rodeiam como uma forma de descarregar as energias. A ansiedade e o stress são provavelmente as principais razões por detrás de comportamentos destrutivos. Deve passear o cão, permitindo-lhe o exercício necessário fora de casa. Em casa, o cão não deve permanecer acorrentado ou sozinho durante longos períodos de tempo.


O “ninho”
Os cães que não têm um local de descanso que lhes agrade podem roer os objectos na tentativa de construir uma “cama” que lhes convenha.

As cadelas grávidas podem ter a necessidade de construir o “ninho”. À falta de mantas acolhedoras ou locais próprios para parir, as cadelas podem começar a escavar e destruir objetos na tentativa de criar um local mais apropriado para ter as crias.

Arranje uma casota ou uma cama apropriada para o cão e coloque uma manta. É comum ver os cães a arranjarem esta manta antes de se deitarem.