9 de setembro de 2009

• Shih Tzus - Acasalamento •


Meus Shih Tzus DAX e DRAYKA fazendo filhotinhos
Previsão de nascimento para 05/11/09


Se você está a procura de um companheiro para sua cadelinha ter vários filhotes, tome algumas precauções antes desta escolha.

O mais importante é saber se você terá tempo para se dedicar a esta nova fase na vida de seu animal, pois o acasalamento implica em várias mudanças no dia-a-dia de sua cadela e principalmente depois que nasce a ninhada.

O primeiro cio de uma cadela ocorre entre o sexto e o décimo mês de vida, em alguns casos a fêmea só entra no cio ao completar um ano de idade.

O cio dura em torno de quinze dias, mas a fêmea antes do sétimo dia provavelmente não deixará o macho se aproximar.O melhor a fazer para que uma cadela não rejeite seu parceiro, é mantê-los em contacto antes que ela entre no cio, para saber se ela vai aceitá-lo. Cães que não tem convivência com outros animais da mesma espécie são mais difíceis de aceitar o acasalamento.

Para se achar o par ideal procure um macho da mesma raça da fêmea e que não seja muito maior que ela. É indispensável levar a cadela no veterinário para ser feita uma avaliação antes do acasalamento, fêmeas com problemas cardíacos, excesso de peso ou doenças sexualmente transmissível não podem cruzar.

As vacinas precisam estar em dia para não haver nenhum problema nem com ela e nem com os filhotes. Nunca cruze uma fêmea no primeiro cio, o mais recomendado é cruzá-la a partir do terceiro cio.

Para que se tenha uma ninhada pura a fêmea deve se acasalar apenas com um macho, mesmo que cruze duas vezes (no mesmo cio) deve ser com um só macho. Para saber se a cadela realmente conseguiu um acasalamento perfeito, é importante prestar atenção em algumas características de um cruzamento normal.

A ejaculação do macho ocorre quando eles ficam colados pelo bumbum, um de costas para o outro e permanecem assim durante alguns minutos (o tempo varia de acordo com cada cachorro), não tente em hipótese alguma separar os dois, independente do tempo que ficarem presos um ao outro, pois o macho possui um osso no pênis e se você tentar separá-los pode ocorrer uma fratura no osso peniano, então deixe eles se separarem sozinhos.

Depois que se separarem deixe-os mais tempo juntos, eles irão namorar e trocar carícias... um momento único.


Créditos: http://www.animalnet.com.br/